27
abr
09

Campanha de conscientização do metrô

Salve, galera!

Como fiel consumidora dos serviços do metrô e CPTM (afinal, não existe outro meio “pedestre” de ir de Santo André aos Jardins), já fui abordada e vi a nova interferência do metrô para melhorar a educação dos usuários.

A Campanha de Conscientização do Metrô é algo fenomenal, tanto do ponto de vista comunicacional quanto o seu impacto in loco. As artes, disponíveis no site do Metrô (em versão reduzida e quase sem qualidade), chamam a atenção nas estações cinzas, destacando principalmente o verde e o azul como cores predominantes na comunicação. Os títulos são simples e por vezes engraçados.

Resumindo: não tem como não reparar nos adesivos no chão da plataforma, nas portas do metrô e nas placas em todas as estações.

Além disso, uma ação que achei genial e que chama a atenção: eles contrataram atores para, como se fosse um “stand-up comedy”, encenar situações vividas por todos os usuários diariamente. Vai dizer que você nunca pegou gente que não vai entrar naquele metrô/trem, mas que mesmo assim insiste em ficar na frente da porta na plataforma, enquanto a multidão se aglomera atrás da criatura? Ou então aquele que AMA ouvir seu hip-hop/samba/rock/funk no último volume do celular SEM FONE DE OUVIDO!

Todas essas situações são retratadas nas pequenas e rápidas encenações que esses excelentes atores fazem. Não tem como não parar para prestar atenção e até mesmo ser convencido a mudar seus hábitos (ainda que momentâneamente) depois de vê-los.

Ainda não tem como medir o impacto dessa ação nos usuários comuns, aqueles que não são curiosos e treinados para farejar qualquer sinal de marketing ao seu redor, mas uma coisa tenho que dizer: o Metrô está de parabéns por, mais uma vez, inovar na maneira de conscientizar a população. Em um país onde o malandro é idolatrado, onde o bem-estar individual supera o coletivo, é sempre um alívio ver que ainda existem instituições preocupadas em educar e formar o caráter (ainda que pouco e limitado) nos “bois”.(1)

Eu sei o efeito que essa campanha de conscientização causou em mim:

  • “A faixa amarela é a sua segurança: somente a ultrapasse quando o trem abrir as portas”
  • “Carregue sua mochila nas mãos para não atrapalhar os demais usuários”
  • “Nas escadas, mantenha-se à direita. Deixe a esquerda livre para quem quiser passar”
  • “Abaixe o volume de seu aparelho celular ou MP3. Respeite os demais usuários”
  • “Se não vai desembarcar na próxima estação, não fique na região das portas. Utilize os corredores”
  • “Facilite o embarque e o desembarque. Não fique na região das portas”
  • “Não segure as portas dos trens. 70% dos atrasos do metrô ocorrem porque as pessoas seguram as portas”
  • E esses são os que lembrei sem precisar pensar muito. Isso é (lavagem cerebral) Marketing!

    (1)explicação: quando os motoristas dirigem feito loucos, é comum os usuários gritarem “ei, voce não tá carregando boi não!”.

    Anúncios


    O que vem por aí?

    abril 2009
    S T Q Q S S D
    « mar    
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930  

    O que já foi….


    %d blogueiros gostam disto: